Quer ser motorista de Uber? O Maturijobs te ajuda!

Palestra em São Paulo tira dúvidas sobre como trabalhar pelo aplicativo

Você provavelmente já pegou um Uber para ir a algum lugar. Se nunca pegou, já deve ter ouvido falar! A multinacional norte-americana Uber presta serviços de transporte, conhecido como “carona remunerada”.

E você pode trabalhar para eles e ganhar dinheiro pelo aplicativo! Se quiser saber mais e tirar dúvidas, a palestra “Como ser um motorista com a Uber”, em parceria com o site Maturijobs, pode te ajudar.

A palestra é gratuita, nesta terça-feira (13.06). Para se inscrever, clique aqui.

Quer saber quais as vantagens de trabalhar com isso?

Defina seu próprio horário

Você pode dirigir com a Uber quando quiser, durante o dia ou à noite, 365 dias por ano. Você sempre escolhe a hora em que vai dirigir, assim não perde os momentos mais importantes da sua vida.

Deixe o app mostrar o caminho

Basta deslizar e iniciar a viagem. Você recebe instruções detalhadas e ferramentas para ajudá-lo a ganhar mais dinheiro. Se você não tem um smartphone, podemos ajudá-lo a conseguir um.

Requisitos

Você pode dirigir o seu próprio carro, um carro de outra pessoa ou um veículo alugado. Além disso, é necessário atender às exigências mínimas e completar uma verificação de segurança.

Segurança

Ao dirigir com a Uber, você tem acesso ao suporte ao parceiro 24 horas e a uma cobertura de seguro. Verificamos as informações pessoais, telefone e o e-mail dos usuários, para que você saiba com quem vai viajar.

1 responder
  1. Danielle mattos says:

    Gostaria sim, principalmente e ser útil novamente, minha carteira era D, semana passada fui renova lá e por não ter conseguido uma oportunidade de trabalho, rebaixei para B, dirijo a quase 30 anos. Mas aqui no Brasil, passou dos 40 anos está fora do mercado. É muito importante para nós que com a maturidade, ganhamos experiência, sabedoria e principalmente responsabilidade. Não temos mais tempo para errar

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *