Presentes

Alguns ídolos da minha geração já se foram: Elis Regina, Tom Jobim, Garrincha, Hebe Camargo, Carlos Drummond de Andrade, Clarice Lispector, Tim Maia. A lista é longa, mas dela ainda não fazem parte Chico Buarque, Caetano, Gil, Betânia, Gal, Elza Soares, Roberto Carlos, Erasmo, Rita Lee, Raduan Nassar, e a permanência deles em nossas vidas reconforta e anima. Nem tudo está perdido.

Os amigos de infância, de juventude, colegas de trabalho, também continuam presentes, em grande maioria. Muito devemos aos avanços da medicina, da ciência. Vivemos mais e melhor.

Quanto à família, ainda restam uns velhíssimos tios e tias do lado do meu pai, mas são poucos, estão gagás, com mais de noventa. O último encontro que promovemos entre eles foi decepcionante: quase não interagiram, cada um em seu mundo distante, incomodados de terem sido arrancados de suas rotinas para uma reunião social que evidentemente não lhes dava nenhum prazer.

Da parte da minha mãe, restam só mulheres, tias muito queridas que beiram os noventa e enfrentam com resignação todos os achaques da idade: operaram o joelho, fraturaram o fêmur, andam com dificuldade, sofrem de artrose, artrite, tomam caixas de remédio – mas mantêm intactas a personalidade e a memória e este é um alento para nós, responsáveis por mantermos seu bem estar.

Muito triste quando nos deixam em vida, esquecem quem foram e se tornam estranhos que já não sabemos mais como amar. Minha mãe tem 85, saúde frágil e caráter forte, controla tudo e todos, lembra datas e aniversários sem a ajuda do Fecebook, cozinha como uma deusa inspirada e mantém unida a família, tecendo em torno de si uma rede de carinho e amor, que atrai e enlaça amigos, ex-genros, ex-noras, além de toda sua descendência.

Mamãe adora viver. Quer fazer a papinha do primeiro bisneto homem – as outras duas são meninas – e vai deixar memórias entre os pequenos que hoje são sua principal razão de viver.

Aprendi a viver e agora estou aprendendo a envelhecer com ela.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.